Neste domingo os espectadores da partida de futebol entre Brasil e Argentina tiveram seu lazer interrompido pela atuação da polícia federal. 

 

De acordo com a ANVISA, alguns jogadores do time argentino que chegaram ao Brasil na sexta-feira não preencheram os documentos da inspeção de saúde de maneira correta. Segundo a ANVISA 4 jogadores não apontaram que estiveram no Reino Unido, local que sofreu um surto da variante DELTA da Covid 19.

Ao inspecionar o hotel e perceber que os jogadores estavam ausentes, a polícia federal foi a procura dos mesmos no estádio onde era efetuada a partida entre Brasil e Argentina.

O caso repercutiu no Brasil muito rapidamente e por se tratar de futebol os principais veículos de imprensa do país deram a notícia. O que não está explicado ainda é o papel do governo Bolsonaro em aceitar por parte da CBF a tentativa de dar um jeitinho para os jogadores da Argentina furarem a quarentena sanitária imposta pelo órgão de saúde.

O corriqueiro jeito de fazer vistas grossas para quem está infringindo a lei se assemelha com outras tantas situações que temos notícias das mesmas práticas por parte do governo.

O desconforto não impediu que medidas tivessem que ser tomadas por parte do órgão de controle para que os mesmos não colocassem em risco a vida de outras pessoas. E evidentemente não fizessem gol no time Brasileiro, o que poderia ocasionar algo ainda pior.

O Presidente da Anvisa explica como se deu. Disse que a situação que ocasionou a interrupção da partida por parte da polícia federal é culpa apenas de 4 jogadores de futebol do time Argentino. 

De acordo com o diretor presidente da ANVISA Antônio Barra Torres os jogadores do time argentino usaram de desonestidade e foram surpreendidos pela polícia federal que já esperava esse tipo de comportamento dos jogadores da argentina, uma vez que o Maradona colocou a mão na bola na final da copa do mundo fazendo o Brasil perder a copa. A PF agiu de forma correta ao ficar de olho.

Fato foi que o Brasil entrou em campo com desfalque de 9 jogadores que estavam cumprindo quarentena, e a delegação da argentina sabe se lá como conseguiu um jeitinho para seu time, de forma irregular, tivesse garantido a presença dos jogadores.

Agradecemos a ANVISA que não deixou que esses “trapaceiros” pudessem jogar.

Pensando de forma bastante fria o resumo é o seguinte.

Caso o Brasil perdesse a partida com um gol de um desses jogadores, imagina quem seria o responsável pela derrota?

Acertou quem respondeu o presidente da ANVISA.

O presidente da ANVISA seria responsabilizado pelo resto de sua existência, o Brasil ter perdido para a Argentina, entendeu agora porque a Polícia Federal interrompeu a partida.  

Resumindo, a ANVISA interrompeu o jogo devido o motivo de que coisas piores poderiam acontecer com a participação desses jogadores sem fazer quarentena.

Leia também

 


SEJA O PRIMEIRO A RECEBER NOSSO CONTEÚDO PELO WHATSAPP

Grupo de Whatsapp do Centrão

 

 

Serie para profissionais de You Tube

YouTube seu caminho para o sucesso – T1E1: Introdução

YouTube seu caminho para o sucesso – T1E2: A História do YouTube

YouTube seu caminho para o sucesso – T1E3: Usando o YouTube da maneira correta

YouTube seu caminho para o sucesso – T1E4: Otimizando Seus Vídeos